Tecle Enter para Pesquisar

Estamos no ar

7 de maio de 2013

O Magnéttico é um projeto que começou há uns dois anos. No princípio, ainda não tínhamos uma ideia clara do que seria, apenas de que trabalharíamos com audiovisual e enfoque jornalístico. Sabíamos que para realizar produções que passassem pelo nosso próprio crivo deveríamos nos empenhar muito nos testes e no aprendizado. O caminho que escolhemos foi longo, custoso e demorado, mas sempre soubemos manter a paciência necessária para aguardar o momento de mostrar a cara por aqui.

Mostrando a cara

Ao longo desse período, produzimos alguns documentários, vídeos de música, entrevistas, reportagens jornalísticas, sempre buscando o aperfeiçoamento técnico que resultasse em produtos com cada vez maior qualidade.

Em paralelo, agregamos conhecimentos práticos no tratamento de pautas variadas e nas abordagens dos temas escolhidos, assim como buscamos dar continuidade ao aprendizado teórico, elementos que somados enriqueceram nosso repertório e nos fizeram perceber a evolução que este tempo e dedicação trouxeram para nossos produtos. Ainda assim, nossa satisfação permanece distante, no horizonte.

Busca contínua

Nossa meta é a qualidade. E essa qualidade sempre está dez degraus adiante. Isso pode ser frustrante, se você for acreditar que é um problema nunca estar “pronto”. Ou, e é o nosso caso, pode servir de estímulo para continuar aprendendo. De fato, o resultado nunca sai exatamente como nós esperamos. Mas também acontece de o produto final surpreender.

O caminho que escolhemos foi longo, custoso e demorado, mas sempre soubemos manter a paciência necessária para aguardar o momento de mostrar a cara por aqui.

Além da busca pela qualidade técnica, temos como prioridade a riqueza de conteúdo. Nosso maior investimento, nesse sentido, é o tempo do qual dispomos para realizar nossos filmes. Percebemos a carência de materiais como os que temos por objetivo realizar. Essa constatação é triste quando notamos o momento propício desenhado hoje para a produção de conteúdo, seja pela diminuição nos custos de captação, pelo barateamento dos equipamentos, pela democratização dos meios de disponibilização graças à internet, passando até mesmo pela garantia constitucional da liberdade de imprensa. Nos questionamos sobre os motivos pelos quais o jornalismo, com tanto potencial transformador, parece fadado ao fracasso.

O Magnéttico também serve para dar vazão aos nossos desejos como jornalistas, já que temos esta formação acadêmica. Infelizmente, as engrenagens que movem a maioria das redações não se adaptaram da melhor maneira ao século XXI, e sua dinâmica rouba o potencial criativo e provocador dos jornalistas, ao negar-lhes tempo de preparo para realizar suas reportagens e ao impor-lhes a censura que resulta da organização hierarquizada. Vamos no sentido contrário do mercado, buscando anteriormente o máximo de compreensão dos assuntos que abordamos, e nos dedicando com empenho ao formato a ser apresentado, lapidando com inventividade conteúdos propositalmente provocadores.

Esta estreia serve como um novo combustível para que a gente continue produzindo. Dois anos se passaram e agora acreditamos que, com o material acumulado, seja possível formar um portfólio interessante, para que nossas produções possam ser acessadas e avaliadas por quem importa, o público.

Feedback

Chegou a hora do nosso trabalho existir, de fato. Queremos que seja assistido, comentado e criticado, até porque outra meta deste projeto é provocar a reflexão. Por isso, fique à vontade para sugerir, opinar, iniciar uma boa discussão. Queremos que você participe, que contribua com a sua visão após investir o seu tempo assistindo aos nossos documentários. Manifeste-se.

Comentários

t Twitter f Facebook g Google+